03 DE MAIO DE 2018. POR MÁRIO SÉRGIO SANTOS

8º Encontro Rural Jovem reúne mais de 1.300 estudantes na ExpoZebu

8º Encontro Rural Jovem reúne mais de 1.300 estudantes na ExpoZebu

Abrindo a programação desta quinta-feira (03), na 84ª ExpoZebu, mais de 1.300 estudantes participam do 8º Encontro Rural Jovem, promovido pela ABCZ Jovem. O evento, que dessa vez traz como tema ‘Tradição e juventude juntas pelo futuro do agronegócio’, tem como proposta promover um grande debate entre público e especialistas.

“Esse é um formato diferente, bem mais dinâmico e interativo. Além dessa novidade, também conseguimos trazer grandes nomes de destaque e referência no setor. Vendo essa plateia cheia, nosso sentimento é de muito orgulho e satisfação”, comemora Rivaldo Neto, presidente da ABCZ Jovem.

Na lista de convidados para essa edição estão Roberto Rodrigues, ex-ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e coordenador do Centro de Agronegócios da Fundação Getúlio Vargas; Miguel Cavalcanti, diretor da BeefPoint e especialista em Mercado e Marketing de Carne; e Teka Vendramini, produtora rural e diretora da Sociedade Rural Brasileira (SRB).

“Participar de eventos como esse é olhar para a frente, e a ‘frente’ está aqui, com esses jovens. Estou trazendo uma série de propostas para o futuro, que buscam transformar o Brasil em campeão mundial da segurança alimentar, que é um caminho que já está escrito na estrela para nós”, diz o ex-ministro.

Ainda considerando as perspectivas para o futuro, e seguindo o tema central do evento, a importância de se desenvolver bem o processo de sucessão nas propriedades rurais também foi debatida no encontro. “A sucessão é um processo natural em qualquer tipo de negócio, e tem maneiras de se fazer isso bem feito. Existem muitos casos de insucesso, mas se você consegue a sucessão de forma eficiente, a nova geração pode conseguir até mais resultado, já que constrói em cima do que o antecessor construiu. Mas é preciso ter método, orientação e acompanhamento. Não é por acaso que o sucesso acontece”, destaca Cavalcanti.

A preparação de novas lideranças do agronegócio também está na pauta do debate, conforme destaca Vendramini. “É um sentimento único falar com o jovem. Estar aqui, vendo esse jovem interessado no agronegócio, é muito especial. É aqui que está o meu futuro. Existe alguma menina que está aqui, que depois vai estar em meu lugar, e eu já estou procurando ela”, diz a diretora da SRB.

Os temas chamaram a atenção do público, que tiveram cerca de três horas para o debate. “O curso que eu faço é bem abrangente nas áreas que podemos atuar, e o agronegócio é uma delas. Hoje estou aproveitando para conhecer um pouco mais sobre isso”, diz Gabriella Venâncio, estudante de Tecnologia em Alimentos, no Instituto Federal do Triângulo Mineiro.

Tags:

ABCZ Jovem

Usamos Cookies para personalizar e melhorar a sua experiência em nosso site. Visite nossa Politica de Cookies para saber mais.

Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies.

Aceitar