17 DE NOVEMBRO DE 2021. POR PEDRO MARINO

Equipe Técnica planeja realização de Feira Pró-Genética no Maranhão

Equipe Técnica planeja realização de Feira Pró-Genética no Maranhão
Nesta quarta-feira (17), membros da Equipe Técnica da Associação Brasileira de Criadores do Zebu (ABCZ) se reuniram com a diretoria do Sindicato Rural de Imperatriz (Sinrural) para discutir a realização de uma Feira de Touros Pró-Genética no estado do Maranhão. 

Participaram da reunião o técnico da ABCZ, Edson Simielli, o Presidente do Sinrural, Luis Afonso Dantas, e os membros da diretoria, Matheus Dantas e Bergson Braga Chagas.

O objetivo do encontro foi analisar as perspectivas e logísticas para a viabilização da feira no ano de 2022. De acordo com Edson, as perspectivas são promissoras. “O saldo dessa primeira reunião foi muito positivo. O presidente e os membros consideram a ideia muito importante, principalmente por ir de encontro com o objetivo principal do Sindicato, que é ajudar o produtor a melhorar a produtividade, tanto em Imperatriz, como nos municípios vizinhos”, comenta.

A expectativa é que o evento ocorra no mês de abril. O grupo prevê também a realização paralela de uma semana de cursos voltados aos produtores rurais da região, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR). Durante a formação, a equipe planeja ministrar o seminário Pró-Genética com o objetivo de promover a troca de tecnologias e divulgar aos produtores a importância das características do gado zebuíno.

De acordo com Bergson Braga Chagas, a perspectiva é que o projeto gere bons frutos. “A realização da feira contribuirá de forma excepcional para os produtores da região. Os produtores querem melhorar seus rebanhos, e a genética é um parâmetro essencial para o desenvolvimento de características importantes, como qualidade de carcaça e ganho de peso. Além disso, nós tínhamos uma lacuna aberta entre a realização de duas feiras anuais no município. A Pro-Genética vai unir forças, preencher essa lacuna e promover um ganho genético que vai atravessar gerações”, conclui.

Usamos Cookies para personalizar e melhorar a sua experiência em nosso site. Visite nossa Politica de Cookies para saber mais.

Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies.

Aceitar